segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Na kidzania#2

Pedreiros porque não foram à universidade. Há apenas um puto que foi e ele é engenheiro! Pois claro!

Na kidzania

Depois de levantar dinheiro,quiseram logo logo ser bombeiros. A seguir,acho que querem ser "pedreiros" porque querem construir casas. Corrigo-os logo "arquitetos filhos,vocês querem ser arquitetos!" :-)

Isto aqui é a loucura. Eu só queria ter a idade deles por um dia e poder passar um dia aqui.

coisas (boas) de 2013#e afins*

Armona. Lisboa. Fifi. Carolina e o sonho lindo. Copines. Alunos. Julho livre. Jardins. Clara-clara. Primária. Calendário do advento. Castanheira. Festa da Senhora da guia. Amigos. Luísa. Afonso. Sobrinho/a. Arcade Fire. Apalabrados. Família. Nós.

* porque as más foram muito más e não as quero aqui. 

coisas de 2013#2

Walking Dead.

Coisas de 2013 #1

O meu filme de 2013 é um filme de 2010 (pois...) mas visto só agora. 
Welcome ( filme francês) é verdadeiramente um murro no estômago


Museu

Depois da nossa procura no jardim da Gulbenkian, aproveitámos a entrada grátis e fomos ao museu. Há uns tempos, fui com o Tiago que tinha feito o seu top 3. Hoje, olhou para esses quadros e disse "não gosto muito". Preferiu os retratos. O irmão também. Tentaram perceber o estado de espírito das pessoas. Segundo eles, eram maus, ou felizes ou tristes ou contentes. Nada mais a acrescentar! :)
(Quando chegámos, o Tiago perguntou pelos quadros abstratos porque "são muito mais giros". Para a próxima, vamos ver arte mais gira então!) 

 Quadro que impressionou o Pedro porque parece mesmo verdade.

Quadro que impressionou os dois. O Tiago disse que parecia um vampiro por causa das mãos e do olhar. O Pedro disse que era assustador e mau.

Árvore

Há uns tempos, fomos os três à Gulbenkian e tomámos posse de uma árvore. Hoje, voltamos lá e depois de procurar muito, passar por mil obstáculos como quaisquer bons exploradores, encontrámo-la. O pai tomou posse dela! 



quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Do Pai Natal

Tal como na carta que tinha deixado, o pai natal tocou à porta e deixou os brinquedos pedidos. Não se deixou ver mas conseguimos ouvir os guizos do seu trenó no prédio*...e eles ecoaram tanto que nos deixaram eufóricos.

(* o pai pendurou uma longa linha de costura com um guizo na ponta (vivemos no 5° andar e o guizo chegou ao 2° ) e sem eles notarem, abanava-o. Eles aind desceram duas ou três escadas mas a exitação impediu-os de avançar.)

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Calendário do advento#24

Atividade 24: caça ao tesouro

Por trás da casa 24, temos o nosso papel com um pinheiro desenhado. No pinheiro, vão encontrar um papel com um desenho (pufe) que tem outro desenho e assim sucessivamente. Passam por vários sítios e até a televisão vai ser uma pista (o Power Point aberto com uma foto da bimby). 
No fim, vão encontrar uma carta do pai Natal e dois guizos*, os guizos do seu trenó.

 (pistas escondidas pela casa)



(carta do Pai Natal (1) com os dois guizos mas que só serão colocados na árvore já na reta final da coisa)

(1) - A carta:
Pedro e Tiago,
Estou muito feliz porque fizeram as tarefas do calendário do advento e sentiram assim a magia do natal. Por isso pedi aos meus duendes que deixassem umas prendas: dois guizos do meu trenó*. O Natal está sempre dentro de vós. Acreditem sempre na magia do natal, na família, no amor e na felicidade. Amanhã vou ter um dia ocupado mas hei de deixar as vossas prendas à porta de casa. 
Feliz Natal Oh Oh Oh!
Pai Natal

(* numa das atividades, tínhamos de ver um filme de Natal. Escolhi o Polar Express onde a personagem principal pede ao Pia Natal um guizo e só quem acredita Nele é que o consegue ouvir.)



segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Calendário do advento#23

Atividade 23: tirar fotos às coisas que gostamos e que se relacionam com o natal. 

(O Pedro não quis tirar fotos. Apenas acompanhou o mano na tarefa)
(Era par ser na rua mas a chuva obrigou-nos a ficar em casa e a tirar fotos por cá)

Algumas fotos:


 Pai Natal by Pedro :)

(e há fotos às velas, ao anjo, aos flocos de neve, à pirosada no cimo da porta da sala, à gata, ao mano, à mãe, ao pai, aos desenhos, às pinturas de natal... muita coisa feita ao longo destes dias de dezembro graças ao calendário...)

domingo, 22 de dezembro de 2013

Calendário do advento#22

Atividade 22: enfeitar a porta da sala.


(Escolheram os desenhos e pintaram-nos aqui. Estivemos a recortá-los enquanto o pai fez a estrela. Piroso mas tão giro!)


Dos livros

Vim só à Fnac comprar um livro para oferecer à priminha. Saio daqui com 4 livros infantis para eles. Sou incapaz de comprar livros para terceiros e não comprar para eles. Raios pá...que deixo aqui uma pequena fortuna.

(levo o Beijo da Palavrinha do Mia Couto que me deixou de boca aberta...)

sábado, 21 de dezembro de 2013

Calendário do advento#21

O nosso calendário não é rígido e hoje sofreu alterações. Tínhamos como atividade tirar fotos de natal na praia mas a constipação do pai não permite. Tínhamos um papel que funciona como substituo e fizemos a atividade "Escrever uma letra para a música Feliz Navidad" (o pai a acompanhar na viola e o Tiago a tentar com o jambé).

(Estivemos, no fundo, a soltar a família Von Trapp que há em nós!)

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Calendário do advento#20

Atividade 20: fazer as bolachas de Natal.
(Fizemos três tabuleiros. Um deles queimou! Ou seja, de 40 consegui aproveitar estas poucas...)

 

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Calendário do advento#19

Atividade 19: Fazer pinturas alusivas ao Natal.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Calendário do advento#17

Atividade 17: cantar músicas de Natal ao pequeno-almoço.

(...porque começar o dia a cantar tem outro encanto e o pai a acompanhar a cantoria com a sua viola: Não sei quem estava a delirar mais: eles ou o pai!) 

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Calendário do advento#16

Atividade 16: o que é o Natal?

Tivemos o dia todo para pensar e ao jantar, o Pedro disse que "é uma festa feliz com presentes e o Pai Natal. O Pai Natal é muito fixe porque dá prendas aos meninos". Para o Tiago, " o Natal é uma festa feliz com a família, prendas e amor. E o pai Natal que dá prendas."

Calendário do advento#15

Atividade 15: escolher nos livros uma receita de bolachas de Natal.

sábado, 14 de dezembro de 2013

Calendário do advento#14

Atividade 14: fazer flocos de neve e colá-los nas janelas. (ideia retirada do pinterest)




Calendário do advento#13

Atividade 13: ver um filme de Natal (Polar Express) e comer pizza.


quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Calendário do advento#12

Atividade 12: fazer um pic-nic na sala, junto da árvore de Natal.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Calendário do advento#10

Atividade 10: cada um escolhe uma palavra importante e pendurá-la na árvore de Natal. 


 (Não tiveram dúvidas e eu adivinhei as palavras deles. )





segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Calendário do advento#9

Atividade 9: ler contos de Natal

(como vou trabalhar logo à noite, antecipei as histórias para agora.  Lemos a única história que temos cá em casa  (Já é Natal? - Editora Minutos de Leitura) e lemos no tablet algumas histórias daqui).

domingo, 8 de dezembro de 2013

Calendário do advento#8

Atividade 8: almoçar com a família* e dar um abraço  a todos.

(* "já viste, como é que eles adivinharam que hoje íamos comer com a família toda?")

sábado, 7 de dezembro de 2013

Calendário do advento#7

Atividade 7: ir à Baixa ver as iluminações de Natal.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Calendário do advento#6

Atividade 6: dizer o que mais gosta de cada membro da tua família (ideia retirada daqui)

("eu gosto de ti porque és o meu amor" - Pedro)

Tenho uma história com Mandela

Devia ter os meus 12/13 anos e estávamos a desenvolver a competência da escrita. O professor mandou-nos fazer uma biografia sobre uma pessoa que fosse muito importante para nós. 
Nessa altura, Mandela tinha acabado de sair da prisão e não se falava de outra coisa na televisão e em casa. A minha mãe era fã dele e a França, pais onde cresci, tinha feito um boicote comercial à África do Sul. Não sabia o que era. A minha mãe explicou-me tudo. Também me disse o que era o apartheid e como eram tratados os negros. Lembro-me que no início, nem queria muito acreditar naquilo que ela me dizia. Era mesmo possível sentir tanto ódio por alguém baseado na cor da pele?
O Mandela era um herói lá em casa.
Por causa disso, quando o professor nos pediu para escrever sobre alguém importante, não hesitei. Fiz um trabalho sobre ele. Deu-me muito trabalho porque não havia Internet e os livros em casa eram nulos...Mas fiz com muito orgulho e muitas vezes com as lágrimas nos olhos.
No dia da entrega do trabalho, percebi que o professor tinha pedido uma biografia sobre uma familiar importante. Ups, essa parte do familiar tinha-me escapado (por vezes, eu também desligava das aulas...). Entreguei na mesma a biografia ao professor que a aceitou alegando que o Mandela era o pai da Humanidade!
Wow, os outros tinham feito um trabalho sobre o pai ou a mãe e eu tinha o Pai da Humanidade. Estava radiante!

Ontem, quando soube que tinha morrido, voltei a verter umas lágrimas, afinal de contas o meu pai da humanidade tinha partido. 

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Calendário do advento#5

Atividade 5: jantar ao som de músicas natalícias (Christmas Album do M.Bublé) e das luzes das velas.

(e foi muito muito bom e calmo)

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Calendário do advento#4

Atividade 4:vamos dar comida a quem precise. Ajudar é importante.

(Alimentos escolhidos por eles doados a uma associação que trabalha no bairro 6 de maio)

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Calendário do advento #3

Atividade 3: tirar fotos a fazer caras lindas e feias junto da árvore de Natal.

(e foi a loucura!)

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Dia de hoje 2

Há dias que ele chega triste à casa porque passa a hora de almoço sozinho. Ninguém brinca com ele. "Todos brincam com o X que tem ideias boas mas que não me deixa brincar com eles. " Diz ele que não encontra razões para isso (mas deve haver,claro).
Hoje, quando chegou à casa, agarrou-se a mim a soluçar,a dizer que ninguém gosta dele e que ninguém brinca com ele.
Há dias que eu desvalorizo a coisa.Já lhe disse para ir para a biblioteca ("mas eu nao sei ler para estar tanto tempo lá a ver imagens"), para ir ao encontro dos outros (na terça foi ter com uns putos do 3 e 4°ano, resultado:cara esfolada. )
Hoje disse-lhe que os outros meninos estavam a desperdiçar um puto giro e divertido (ele :p ) e que ele era grande por dentro. Também lhe disse que nem sempre tinhamos muitos amigos,ao que ele respondeu que só queria um.
Foi contar à professora que lhe disse que não queria queixinhas (e percebo-a porque não há paciência para historiazinhas dessas e sobretudo porque ela não pode obrigar os putos a brincarem com A,B ou C).
Amanhã,leva as cartas do Uno. Nao é solução porque no dia em que não levar nada,ficará sozinho outra vez. Mas já não sei o que fazer...

Do dia de hoje 1

- Hoje aprendi um ditongo muito feio!
-Qual?
- Não te posso dizer que é feio. Não se pode...
-Diz-me ao ouvido
-cú!

E riu-se.

Calendário do advento #2

Atividade 2: escrever uma carta ao pai natal.

domingo, 1 de dezembro de 2013

Calendário do advento

Li no blog Mum's the Boss este post sobre o calendário do advento. No dia anterior, a minha prima ofereceu aos putos um calendário desse género. Tive logo vontade de fazer como a Magda porque tal como ela disse, os rituais são importantes e marcam-nos. 
Por trás de cada quadrado referente aos dias do mês de dezembro, coloquei um papel com coisas simples, muitas ideias tiradas daqui.

Hoje, começámos. Eles acharam o máximo. O Pedro comeu o chocolate (que o Tiago detesta) e lá lhes li a atividade que fizemos a manhã toda, em família, sem gritos ou birras. Foi muito bom. O Tiago anda curioso com as atividades seguintes, dando palpites (sendo que "ir ter com o pai natal ao pólo norte?" foi a mais gira de todas!)

Atividade do dia 1: fazer os enfeites para a porta de entrada.  



 



sábado, 30 de novembro de 2013

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Livros

O Tiago acabou de ler o seu primeiro livro "só com letras e poucos desenhos" Demorámos uns 15 dias. Ele gostou imenso e quer ler outros iguais.
Que bom!

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Um dia, deixo de ter uma vida sedentária

Longe vão os tempos em que corria.
Há uns tempos que me apetece fazer qualquer coisa, mas paralelamente, há também qualquer coisa como o ócio ou a preguiça que não me deixam ir à procura de exercício física. Há, como já perceberam, muito coisa que não faz sentido dentro de mim mas adiante... 
Indo diretamente ao que interessa: tinha para hoje uma aula experimental de zumba. Sim, sim, zumba. Sim, sim, estou mesmo a falar daquela atividade em que se dança ao som de música latina aos gritos. De acordo com os meus colegas de EF e PT's em vários sítios, a zumba é o único exercício físico que eleva o ritmo cardíaco a 190 batimentos por minutos e onde se pode queimar quase 1000 calorias numa hora. Música para os meus ouvidos, senhoras! Fui-me convencendo que a zumba é daquelas coisas que de tão má se torna boa.
Dizia eu que tinha hoje uma aula experimental das 20h às 21h. E não fui, pois claro!
E consegui arranjar N desculpas em menos de um minuto: está frio, é na hora do jantar, não sei se os meus ténis são adequados, não sei se o local fica no início ou no fim da avenida, deve ser complicado estacionar na zona, estou cansada, não vou aguentar aquela música abrasileirada, sempre detestei música aos gritos, and so on...

Mas já liguei para lá e remarquei a aula experimental para a próxima quarta. 

A modos que isso, sou eu: quero e não quero ou melhor, não sei muito bem o que quero ou melhor, eu sei o que quero, tenho é pouca vontade...

Les mystérieuses cités d'or*

Sacámos a série original** e vemos um episódio por dia, juntos,no sofá e com a gata ao colo. É o único momento em que eles veem TV.
Delicioso ver uma série em família, aconchegados uns nos outros e tapados com a mantinha. Pequenas coisas que sabem a muito. 

* Fiquei desiludida por terem traduzido o genérico para português...mas eu continuo a cantar o refrão em francês. Resultado:o Tiago canta-o numa língua qualquer que nao se parece com nenhuma das duas!

** Ouvi dizer que o Canal Panda transmite uma nova versão do desenho animado. Não sei se é boa ou não, pois cá em casa, só temos 4 canais, como antigamente, mas optei pela original para matar saudades de um dos meus desenhos animados preferidos.

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Nota

O Pedro está de férias com os avós. Ontem, ligou-nos e disse-nos "fui à praia e fiz castelos."

E a modos que há gente com grande vida!

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Festa

Ele fez seis anos e teve a primeira festa a sério de aniversário.

O pai trouxe um carro de sete lugares. Fomos buscar a L. que mora por baixo da nossa casa, de seguida o D. e ainda a M. Carro cheio, fomos para a margem sul. A excitação começou aí!  Levámos os putos para um parque completamente descaracterizado, num pavilhão iluminado com aquelas luzes artificiais, mas que é a loucura para eles: escorregas, balões e afins durante uma hora e meia. 
Depois de conseguir tirar os 5 miúdos, fomos para a casa dos sogros que me deixaram de boca aberta. Tinham à entrada da casa um grande cartaz a dizer TIAGO - 6 anos - PARABÉNS com uma mão cheia de balões. A casa estava cheia de balões. O lanche para as cranças estava impecável. Elas comeram e foram para o jardim brincar e brincar e brincar. Os pais dos míudos (nossos amigos há anos) chegaram e fomos ficando na conversa e a comer os petiscos que os sogro fizeram: entradas, pizzas no forno a lenha...Miam, miam...e o meu sogro até fez pizzas vegetarianas para mim. Tudo 5 estrelas. Os putos a brincarem, a jogarem à bola na rua até ás 22h30. 

Nota: enquanto estávamos a cantar os parabéns ao mais velho, o mais novo não quis ir para a mesa cantar nada. Ficou sentado no chão a brincar...

sábado, 9 de novembro de 2013

Vício do momento

Angry Words (Apalabrados)
O Scrabble numa aplicação do telemóvel ou no FB. 
Jogai senhoras, jogai!

sábado, 2 de novembro de 2013

Fui mãe há 6 anos.

Hoje, o meu filho mais velho faz seis anos. Seis. Passou tudo tão rápido. Ainda ontem cabia nos meus braços e agora...

Agora está alto, giro, doce, meigo, amigo, com sentido de humor, divertido, interessado pelas coisas que o rodeiam, muito imaturo, ingénuo, teimoso, chorão e filhinho da mamã.  Sabe também ser chato, reguila e embirrento. Diz coisas como "nunca me vou esquecer de ti" , "vou gostar de ti para sempre" ou "se não me deres brinquedos, não vou cuidar de ti quando fores velhinha". 

Agora está também  um miúdo sensível que não quer ouvir histórias de meninos abandonados ou de crianças infelizes, que fica muito triste quando lemos a história do José Luís Peixoto - A Mãe que Chovia ou o Cão Rafeiro porque há pessoas que vivem na rua, como o cão.

Agora  é um menino que tem poucos amigos na escola, que fica perdido quando os amigos se vão embora mais cedo do que ele e que fica sozinho, sentado nas escadas à espera que eu o vá buscar ou batendo de 10 em 10 minutos à porta do gabinete a choramingar.

Agora é um menino que quer aprender a ler, a escrever, a somar mas que às vezes é inseguro naquilo que faz e apre(e)nde.

Agora e sempre, é um ser fantástico que saiu dentro de mim. A minha carne. O meu filho. E hoje faz 6 anos. 
(há dia mais importante, em que o nosso coração fica assim todo coiso, quase a sufocar, do que o dia de anos deles? )

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Prioridades do meu Tiago

- E tu pediste licença a quem para crescer assim tão rápido?
- Não sei. Sei que tenho de crescer para aprender a ler e a escrever. Sabes, há um comboio que vai do primeiro ano ao quarto ano e eu quero entrar na carruagem e apanhar o comboio! 
 
 
 

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Ainda sobre a ajuda

Acordávamos o  Pedro por volta das duas da manhã para o pôr a fazer xixi. Mas acordava sempre com xixi na cama. 
Há dois dias, creio que no sábado, pediu-me para dormir com fraldas. Recusei até porque não as tinha em casa. 
Hoje, quando o fui deixar na escola, foi um berreiro: que ia fazer outra vez xixi a dormir na escola, que iam dizer que era um bebé e que queria fralda. Foi arrancado do meu pescoço, aos berros, a dizer que queria a mamã e que ia fazer xixi (e claro que fez, como todos os dias no último mês). 

Hoje, já fui ao Lidl comprar fraldas.
Ouvi muitas opiniões mas ouvi-o sobretudo a ele que quer fralda porque ainda não se sente preparado. Quando chegar a primavera, ou antes se ele se sentir preparado, tentamos mais uma vez. Como diria o meu Tiago, "tudo ao seu tempo mamã"

À tarde, na escola, vamos ver como corre. Lá, não há fraldas e não é isso que me aborrece de momento. O que me chateia é o meu Pedro sentir-se incomodado com os outros. Esta é para mim uma grande surpresa. 

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Ajuda

O Pedro tem feito xixi todas as noites na cama. Tem feito também todos os dias xixi na escola a dormir. Tenho ali lençóis e resguardos e roupa para lavar. É um sem fim de máquinas para lavar e sobretudo para secar.
A minha dúvida: volto a pôr fralda ao rapaz à noite? Será um retrocesso? estarei apenas a adiar o problema? Sentir-se-á muito triste se voltar a usar coisas de bebé? Será benéfico por fralda à noite porque não acorda com aquele ar de "fiz xixi!" e será que com fralda à noite, já não vai sentir nenhuma pressão e deixa de fazer xixi à tarde?
Como é que foi convosco? 
(com o meu Tiago correu tudo tão bem que nunca tive de pensar sobre o assunto).

Há um marinheiro em cada um de nós

Quiseram fazer uma caravela. O Tiago quis fazer a bandeira dos descobridores e escrever Lusíadas.

domingo, 20 de outubro de 2013

A fota da gata

Já somos 5

Estão a ver o post anterior? Esqueçam! 

Ficámos com uma gata de 6 meses, vacinada, mas ainda não esterilizada.
Ficámos com uma gata assustada, que quer sempre colo.
Ficámos com uma gata que se chamava Bacci, que alterámos para Sissi e que agora é Fifi. 
Estamos todos rendidos e ela consegue a proeza de obrigar os meus filhos a estarem sentados 15-20 minutos no chão, em silêncio, com ela ao colo.


sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Vamos ser 5 - parte 2

Ainda não somos 5. Sê-lo-emos amanhã, se tudo correr bem!

Por partes: 
1 - quero um gato adulto, com dois anos aproximadamente porque para gatos bebés que fazem asneiras, já tenho os meus filhos;

2- quero um gato adulto porque já tem personalidade definida e prefiro um gato meigo que faça ronron ao meu colo do que um gato que foge de tudo e todos com medo porque para isso, já cá ando eu;

3 - quero um gato adulto porque já vem esterilizado e vacinado e confesso que não estou para gastar dinheiro com essas coisas porque para isso ia à Primark do Colombo comprar meia dúzias de trapos;

4- como quero um gato assim e não assado, fui contactando algumas associações. Na segunda, fomos a um gatil onde podíamos escolher 3 gatos. Azar do caraças, um já estava "apalavrado" para uma senhora e os dois outros só tinham um olho. Pois, está visto que uma criança de 5 anos e  um pai de 37 anos não querem um gato só com um olho porque para zaralho, disse um deles, já temos o Camões;

(4.1 - os dois gatos zaralhos conseguiram a proeza de enganar o meu mais novo, uma vez que ele repetiu três vez "mamã, o gato piscou-me o olho" mas cheio de medo e a pedir colo com tantos gatos à volta dele. )

5 - amanhã, uma voluntária vem cá a casa com três gatos e nós escolhemos aquele que mais gostamos, partindo do princípio que um deles goste de nós. 

6 - prometo não transformar este blog numa coisa fofinha e catita com fotos do gato porque para isto, já  basta o mural daquela colega de trabalho que ...meu deus...só partilha imagens de gatos a darem "fives" uns aos outros.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Ainda não plantei nenhuma árvore

...mas temos uma no jardim da Gulbenkian com os nossos nomes. Não sabemos muito bem onde está (a falta de orientação é genética:eu perco-me em qualquer sítio e sou incapaz de localizar-me e eles também) mas vamos à procura dela brevemente porque o pai também tem de escrever o seu nome.

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Vamos ser 5!!!

Vamos ter mais um novo elemento cá em casa.
Nunca pensei que fosse acontecer, mas aconteceu!

Eles estão super felizes. O pai entusiasmado. Confesso que passei por várias fases: euforia, alegria, incerteza, dúvida e quase negação sobre o assunto. Há momentos em que mal acredito nisso...Tipo, tu Tella, que dizias que nunca, que não querias e pumba sem saber como nem porquê, vais ter um gato em casa. Vamos buscá-lo no domingo.

Sim, podia ser pior e eu estar grávida! :p

Vista de estudo

Hoje, primeira saída do Pedro com a escola. A política da escola é ótima: todas as segundas-feiras, a partir de hoje, é dia de passeio. Vai haver espaço para tudo: parques, museus, exposições e teatros. Mas para ele o mais importante foi...

- De que mais gostaste Pedro?
- De andar no autocarro, sentado ao lado do Afonso!


Descobertas

Descobriu a biblioteca da escola e todos os dias, no intervalo do almoço, lá vai ele escolher um livro para lermos à noite em casa. 
Que ideia fixe!

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Perguntas

Não tendes medo do tempo que passa a uma velocidade louca?
E de estarmos sempre a correr, tentando acompanhá-lo? 
E de pensar que ainda ontem os putos nasceram e agora estão cada vez mais crescidos e quase nem damos por nada, por causa  daquela cena do acordar -rápido rápido que temos de ir para a escola, rápido, vá, rápido para não chegar atrasados / do trabalho (que por ser trabalho, é o que é),  do chegar à casa - rápido, rápido que tenho de fazer sopa e dar banhos e brincar e rápido, rápido que é hora de deitar, rápido que amanhã acordam cedo.

Eu tenho. Muito.


Da escrita II


Relegado para segundo plano no que diz respeito à escrita, o Pedro fartou-se e quis escrever o nome dele. As letras estão por ordem porque quase que o obriguei a escrever por ordem. :) 

Da escrita

O melhor e o pior do dia 3, pelo Tiago.
(caderno de escrita livre)

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Tiaguês

Ao sair do carro, a mochila prende na cadeirinha, chove, a porta do carro não abre totamente (porque a mãe não estacionou muito bem) e o Tiago diz "grrr...que só me apetece dizer palavras feias!"

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Da primária

Falo com colegas, amigas. Vejo no FB de pessoas conhecidas. A entrada na primária é um assunto sem fim. Desde a partilha de horários às angústias das mães, ao choro dos filhos e até o lanche levado para a escola é analisado e discutido. 

Vejo também os primeiros TPC's das crianças ou dizem-me "ele esteve a fazer 3 linhas de -i's" ou "esteve a fazer ondas numa folha A4."

Vejo também o espanto de colegas minhas quando lhes digo que o meu não tem nem terá TPC. É um assunto que dura horas. Eu fico na minha a pensar que tive muita sorte com isso. Elas ficam na delas a pensar que a professora (e eu) não puxa pelos putos. 

Ai a primária, um tema quase tão vasto como a amamentação.  


sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Para o primeiro dia de escola na primária

Deixei-lhe o recado no estojo. Ontem, perguntei-lhe se tinha aberto o estojo. Que sim, para fazer um desenho e escrever coisas no desenho. "E não viste nada de especial no estojo?". Que sim, viu e isso deixou-o preocupado. Oi?  " Fiquei com dois lápis de cera da pré! E agora?"
E não houve mais nada a registar.

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

La rentrée - Pedro

Acho que descuidei a rentrée do Pedro. Foi abafada pela entrada do irmão na primária. Afinal de contas, o Pedro vai para a infantil, com os mesmos amigos, embora para um edifício diferente. 

Conheci a educadora e achei-a querida. Só fiquei 15 minutos na reunião porque tinha de ir à reunião do irmão...Não deu para grande coisa. 

Hoje, foi muito complicado com o meu Pedro. Ele que é de uma força incrível, não aguentou a separação. Chorou, berrou agarrado ao meu pescoço, sempre a dizer "quero ficar contigo". Tiveram de arrancá-lo do meu pescoço. Eu tinha um nó na minha garganta. Disse-lhe só a nossa frase e um amo-te. Saí e ao virar a esquina, as lágrimas a querem sair... Tão complicado...

La rentrée - Tiago

Gostei da professora do Tiago. É uma mulher do Norte, despachada como só elas sabem ser! Tem uma pronúncia linda, que lhe dá um encanto. é professora há 25 anos no CM. Tem experiência. Está sempre a fazer formações e gosto de ler coisas sobre a educação! Uma das primeira coisas que nos disse deixou-me contente: "sou contra os TPC. Eles nunca terão!". Avisou alguns pais, do jeito dela, que vão ouvir pais a dizer que os filhos levam 5 fichas para fazer num fim de semana. Não se preocupem que os vossos não vão ser prejudicados, pelo contrário." Tornei-me logo fã dela. 
Falou das diferenças entre os putos. Avisou-nos também que teria alunos a ler em dezembro, outros só na Páscoa e outros em maio. Não deveríamos stressar porque ia respeitar os ritmos de cada um. Explicou que o mecanismo da leitura não é, nem pode ser compreendido por todos ao mesmo tempo. Mais um ponto para ela. 
Falou da pedagogia utilizada na escola, mas que ela usava a pedagogia do bom senso que consistia em utilizar os pontos positivos das correntes que gostava e com as quais se identificava. Gosto da pedagogia do bom senso. 

Primeiro dia de aulas
Acordou a chorar, a dizer que não queria ir para a escola. Durou uns bons 15 minutos (que nervos senhores!). Chegámos. Entrámos e fomos os quatro para a sala. Apertava a minha mão com força. Sentou-se num sítio qualquer. A sala estava cheia de pais. O amigo dele chamou-o para junto dele. Foi e ficou feliz. Despedi-me dele. Deu-me um abraço grande e um beijo na boca com muita força. Estava com as lágrimas nos olhos.  Disse-lhe ao ouvido "és grande filho, dentro de ti". O meu rapaz é muito sensível, muito chorão. Aguentou. Foi forte e não chorou. Estou orgulhosa dele. Olhámos profundamente um para o outro e deixei-o. Os pais foram convidados a sair. Dissemos adeus e pronto.

1º intervalo - 10h30
Sou uma sortuda: uma das portas do meu gabinete dá para o recreio da primária. Ele saiu. Sentou-se no muro e bebeu o seu iogurte. Viu-me e foi pedir à professora se podia dar um abraço à mãe. À minha colega, não se fez luz e explicou-lhe que agora não podia. Só o vejo a acenar para mim e a professora percebeu e claro, deixou-o ir. Abracei-o e ele disse-me que estava bem. E estava. Ainda não tinha aberto o estojo*. 

Há pouco, vi-o a passar à frente da porta com os amigos. Estava tão bem e feliz que nem se lembrou de espreitar pela porta! Que bom! 

* Ontem, deixei um bilhete no estojo dele: um coração e assinei com um MAMÃ. 


segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Duas frases ditas pelo Tiago durante as férias e que tenho receio de esquecer.

Quando deixámos,tristes,a ilha de Armona, o Tiago olhou pela janela do barco e vendo a ilha ao longe, disse "gostava de viajar pra lá do horizonte."

Na terra,à noite, numa ruela escura,sem iluminação, que liga a casa da minha avó à casa da avó do Miguel, o Tiago olha para o céu e disse do nada "aqui as estrelas estão mais próximas. Quase que tocamos nelas".

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

"Mãe,viste o meu peloteiro!"

Fase nova

No dia 5, o meu Tiago começa o primeiro ano. Já tenho mochila e só me falta o manual de português. Estou a panicar. Quero acreditar que ele se vai dar bem mas tenho receio. 
Há dias em que ele diz que não quer ir porque não quer ficar a trabalhar o dia todo. Há outros em que diz que quer porque quer aprender a ler e a escrever. 

Novo estilo

O Pedro teve um novo corte, escovinha (máquina 3) como o mano. Está lindo, lindo, lindo.

Acabaram-se as fraldas cá em casa

O meu Pedro está cada vez maior.

Das férias

15 dias na ilha + 10 dias na terra + uma semana em casa com os putos, sem horários = parece que estou de férias há uma vida. 
Maravilha.

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

De férias,no sítio de sempre.
Hoje,com direito a pequeno almoço surpresa,organizado pelos putos,mas sugerido por mim,enquanto ficava mais uns minutos na cama a fazer conchinha!

sábado, 27 de julho de 2013

quinta-feira, 25 de julho de 2013

As férias deles

De férias com os avós desde o dia 1. Nós vamos ter com eles na sexta à noite e voltamos no domingo, depois do jantar.
eles dizem-nos adeus na boa. estão felizes da vida, a ter férias em grande entre piscina, praia e horta. O Tiago aprendeu a nadar sozinho, de um dia para o outro. 
a cada semana, acho-os maiores e mais lindos.

que deus conserve por muitos anos os meus sogros!

terça-feira, 16 de julho de 2013

Fase parva

Desviar a cara,fingir que estão a dormir, pôr a língua de fora ou fazer poses parvas quando quero tirar fotos.

sexta-feira, 5 de julho de 2013

Tempos modernos

Os putos nos avós desde segunda e falarmos com eles via skype.
A loucura. A risota.
O Pedro até tirou as cuecas para mostrar que eram do Faísca!

E felizea que eles estão a mergulhar n vezes na piscina... Senti uma certa inveja da vida deles.

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Hoje

Dia de festa do meu Tiago. Pensei que ia apanhar uma grande seca mas não. Foi uma encenação dos miúdos muito gira sobre as diveras artes.
No fim, fui despedir-me da educadora e claro, emocionei-me e agradeci-lhe tudo o que tinha feito pelo meu filho.
Ainda recebeu um diploma das maos da diretora,com direito a beijo suado!
Mto giro. No fim,parece mesmo que fazemos /fazem parte de uma família. É o melhor dessa escola, sem dúvida.

Uma coisa boa!

Vou de férias em Agosto, o mês todo.
Mas vou sentir-me de férias um mês antes porque (não pensem logo "ai e tal, ela é professora e tem três mês de férias!") os meus filhos vão de férias com os avós durante três semanas... Se a coisa correr bem, que é como quem diz, se a avó não ficar maluca com os netos, ficam até ao final do mês. 

Que bom pá! Bom mesmo!

A única coisa que nos faz falta

Troquei a margem sul por Lisboa em novembro. De repente, descobri uma nova vida: desde a esplanada da Graça, ao Clara-clara, à Estrela, demorar apenas 10 minutos para chegar ao trabalho, estar mais tempo com as amigas, os Santos à porta de casa, etc, etc, etc. Tudo é maravilhoso! 
Tudo? Não!

Faz-nos falta a praia ao fim do dia ou mesmo aos sábados e/ou domingos. 
Ai! Fonte da Telha, I miss you! 

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Como confundir ainda mais o teu filho ou a religião é uma coisa difícil de perceber e explicar?

O pai resolveu sacar o desenho animado do Moisés: O Príncipe do Egipto. 
Foram mil perguntas: os manos (Ramsés e Moisés) já não gostam um do outro? Deus matou as crianças? Deus é mau? O Moisés é bom ou mau? Quem são os Judeus? E não há Jesus? Moisés está a chorar porque não gosta de deus? O pau do Moisés tem poderes? Há muitos "deus"? Mas tu não acreditas, pois não?
Ó pá, eu bem tentava desligar a cena mas começava a choramingar no seu estilo drama queen que queria ver tudo até ao fim...Mas credo, que foi chato o rapaz! Quer dizer, não bem chato que a culpa foi nossa que devíamos ter pensado que ia ser confuso.
Ah! Assustou-se nalgumas cenas e pediu-me para ver ao meu colo. 

Má escolha. Não aconselho.

[Só me lembrava de Saramago e do seu Caim . Vai ser leitura obrigatória para o puto dentro de alguns anos!................ I hope!]

sábado, 15 de junho de 2013

Sabes que tens um puto magro...

quando os calções que ele veste e que deixa cair são para bebés de 18-24 meses.

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Como dizer a uma mãe que ela está out aos 35 anos!

O Tiago a cantar uma coisa parecida com "o cão come aveia, o cão come a velha!". 
- O que é isso Tiago?
- É uma música da moda. Não conheces?
- Não. É parvo.
- Tu só conheces coisas que não estão na moda, não é?

(Pumba mãe! Embrulha!)

domingo, 2 de junho de 2013

Há momentos...

Meu deus, que desde sexta-feira, não sei bem a razão, tenho deixado soltar a mãe monstro que há em mim. Disse coisas tão feias aos putos, passei-me vezes de mais... O Pedro, às vezes, tira-me do sério como ninguém. Não acata um não, faz birras demasiadas grandes. Por vezes, parece um pequeno ditator. Não pode ser. Mas há momentos em que rebento... e digam coisas muito feias e passo-me.
Tive de pedir desculpas e explicar-lhes que eu também faço coisas erradas e que tentava melhorar. Eles lá entenderam mas o peso na consciência...ui...não passou.

Quanto ao Pedro, hei de dedicar um post ao feitio do meu filho...


quarta-feira, 29 de maio de 2013

O pai é o mau e eu sou a louca

"O pai ralha e tu gritas!"

Está certo!

By Tiago

terça-feira, 28 de maio de 2013

"Não percebes que é um mapa?! Até escrevi"

Feira do livro


Muitas coisas para ver mas é impossível ver o que se quer com eles. Eles aterraram na editora "Minutos de Leitura" onde havia a porta da casa do Sr. Croc e uma mesa e uns livros... Sentei-me com eles e contei-lhes as três histórias disponíveis. O Pedro quis trazê-las para casa (choro 1). Depois, o Pedro quis ver a bancada e eu não o percebia (choro 2). Já ao meu colo, quis trazer todos os livros (choro 3). Quando percebeu que não podia, quis trazer os livros iguais aos dele (choro 4).
Comprámos o livro do dia (Sabu, o Tigre Pintor, autografado pelo ilustrador/autor). Mas eles queriam outros (choro 5), sobretudo os livros do sr. Croc.
O Tiago lembrou-se que queria uma fartura logo ali (choro 6). Lá fomos e comemos. Vi uma bancada com livros a 3 euros mas não pude aproximar-me (choro 7 - o meu).
Voltamos para a casa  a pensar que para o ano, há de ser melhor!

Urgente


Digo demasiadas vezes a palavra "rápido" entre o acordar e o sair de casa. Até a digo quando já saímos do casa e estamos no elevador. 
(Que stress para os putos e para mim!)

Intervention, now, please!

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Privatizado

Este blog tornou-se privado.
Não gosto da ideia mas teve de ser.
O que tem de ser, tem muita força.

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Tenho 35 anos (que mais parecem 25)

Uma colega/amiga fez-me um bolo delicioso cravado de pasteis de nata. Dividi-o com colegas e funcionários da escola.
Tinha uma rosa em cima do pc e demorei um pouco a saber de quem era.
Tinha um mega cartão com dedicatórias de vários alunos, uns meus deste ano,outros de anos anteriores. Muitos escreveram coisas que aconteceram nas minhas aulas. Foi bom.
Muitos alunos foram ter cmgo para me darem um abraço.
Tive,como manda a praxe,muitas mensagens no FB e umas muito boas no wpp (ou qualquer coisa assim parecido).
Tive direito à canção de parabéns pelos meus filhos, no carro e foi lindo. Também tive direito aos parabéns da Raquel, do Dubai, que me fez chorar.
Tive um jantar com os de sempre que foi bem regado e que foi muito bom.
Tive muitos abraços de quem gosta de mim e de quem gosto muito, muito.

Vou omitir as birras dos putos pela manhã, a colega a perguntar se hoje fazia 40 anos (porra...há gente mesmo cega!), o frio que passei por querer estar gira ou ter almoçado de castigo com uns alunos mal-comportados.

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Ainda tenho 34 anos. Ainda tenho 34 anos. Ainda tenho 34 anos

Vou fazer 35 anos. Já? Tantos!
Essa coisa do tempo que passa e que deixa marcas atrofia-me um pouco. A minha madeixa de cabelos brancos deixou de ser madeixa...A minha cabeça cobre-se, aos poucos, de cabelos brancos, com maior foco no lado direito.
A minha tendinite no braço está cada vez mais forte.Há momentos em que não consigo vestir o casaco.
Crescem-me pêlos, pelo menos são pretos, um pouco por toda a parte.
As rugas vão aparecendo aos poucos, apesar do anti-rugas que custa balúrdios.
Engordo num instante e demoro o triplo do tempo do que há uns anos atrás para perder um quilo.
Diz a minha avó que tudo isto,o nascer,viver,envelhecer e morrer é uma roda que passa por todos. Tem razão,mas custa-me.
Bem,mas podia ser pior: podia ter pêlos púbicos brancos e aí....ai...era umas sessões de "nao + pelôs" e negava tudo até à morte!

Apesar das lamúrias, tenho quase , quase 35 anos (faltam alguns minutos) mas sou uma miúda em muita coisa, por vezes, uma pita mesmo e adoro soltar a criança que há em mim quando brinco com os meus filhos: as obras-primas destes trinta e quase cinco anos.

(dentro de 10 minutos,os comentários estão abertos a todos os meus leitores (lol) para me darem os parabéns! ) :p

A pergunta do Tiago:  "o que é deus?'"
Lá lhe expliquei quem era e que o pai e eu não acreditávamos nele, mas que os avós, por exemplo, acreditavam. 
(Foi complicado responder à pergunta quando eu própria não sei muito bem o que é e nem sequer creio nele.)

No outro dia, disse-me que eu devia acreditar "no Jesus" (e não, não falava do Jorge) porque a avó tinha falada disso com ele e achava que tínhamos de gostar todos. Voltei a falar do tema com ele. Acho que continuou confuso.

Há dias, veio-me com a pergunta "o que é rezar? E tu sabes rezar?"
Lá lhe expliquei, com pouca paciência, o que achava das rezas, uma vez que não acreditava....e blá blá blá
De repente,  começa com o "avé maria, cheia de graça...".
Parece que tem um colega da sala que os ensina a rezar. Não acho normal! Uma criança a ensinar os outros a rezarem? m.e.d.o.
Nesse mesmo dia, ao jantar, perguntou-me por que razão não acreditava em deus. Dei-lhe as minhas razão e ficou calado, a comer. 
Ontem, à mesa, antes de comer, vejo-o de olhos fechados, com as mãos em posição de reza e passei-me. Disse-me depois "não estou a rezar, estou à procura da minha paz interior" (in Panda Kung-Fu). Ah! Menos mal...



Desabafo

O Pedro está tão magro. 
Se fosse preto africano, era legítimo pensar que vinha do Biafra.

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Escrita

Falei ao Tiago do seu caderno de escrita...Disse-lhe que tinha pouca coisa, que nem tinha escrito o nome do mano. Respondeu-me que não sabia...Obriguei-o a ir ao quadro e lá escreveu PEDRO. Vi-o a soletrar a palavra e a escrever. Pedi-lhe também para escrever AMOR e com grande espanto meu,conseguiu.
Fixe!

Vício do momento

Instagram

Hoje

No início do ano letivo, en novembro talvez, falei com a educadora do Tiago. Ela disse-me que ele tinha dificuldades no grafismo, não tinha noção de espaço e dificuldades em trabalhar. Custou-me ouvir aquilo embora concordasse com tudo o que dissesse. 
A partir daí, e conhecendo bem o meu filho, que é muito imaturo e inseguro, pensei em não o inscrever na primária, até porque ele só faz 6 anos em novembro (os colegas dele já têm quase todos 6 anos e ele fez agora 5 anos e meio).O pai nunca concordou comigo. A Carolina, amiga que percebe muito bem da coisa e que também conhece o Tiago, também não concordou comigo. 
Hoje, tive uma reunião com a educadora. Expliquei-lhe as minhas dúvidas.
Ela disse-me que eu estava errada, que nunca poderia fazer isso ao Tiago porque ele tinha progredido imenso. Era um menino sem nenhum problema cognitivo (!), agora muito curioso e interessado que conseguia ficar uma hora e meia sentado na sua mesa e a trabalhar. Interagia bastante, percebendo onde tinha falhado, expondo sempre os seus argumentos nos "debates" que ela promovia através das histórias lidas. Disse-me também, tal como referiram a Carolina e o pai, que seria nefasto reter o miúdo na pré e que ela nunca daria a cara por isso.
Aproveitámos e falámos dos trabalhos dele. Vi o livro dele de escrito, o livro de ditados de imagens, de desenho livre, etc. Foi bom. Em todos os trabalhos, ela explicava-me qual o objetivo. Gosto dela. É uma educadora atenta, rigorosa, que dá atenção ao "brincar" e ao "aprender". Disse cobras e lagartos dos métodos tradicionalistas e informou-me que a minha história dos talheres tinha sido a mais votada pelos alunos da sala e vai representar a sala deles na festa final de ano... E não disse mais nada sobre o assunto. 
Recomendou uma terapia da fala por causa dos -r mal articulados que podem atrapalhar na primária. 
Pronto, coração de mãe fica mais descansado! 

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Uma homenagem

Nós aqui.
Não teria dito melhor.
<3 p="">

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Dei a melhor prenda do mundo à minha avó

Dormiu com o Pedro de sexta para sábado. Contou-me com os olhos a brilharem que ele estava sempre à procura dela durante o sono, a dar-lhe a mão e a mexer no cabelo. São aquelas coisas que enervam mas que deixaram a minha avó completamente rendida.

quarta-feira, 1 de maio de 2013

E aquele momento em que o Tiago chega...

O Tiago esteve uma semana fora,na terra com os avós. Chegou hoje. O comentário dele quando entrou em casa: "olha, arrumaram a casa!"

Pois...

sábado, 27 de abril de 2013

Momento alto

"Mamã, apanhei as couves da horta da minha sala e plantámos rabanetes."

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Recado

O Tiago esteve no meu gabinete e deixou-me um recado debaixo do PC.
Adorei.