quarta-feira, 28 de maio de 2008

De pequenino é que se torce o pepino

Ó filho, não sejas como a tua mãe a conduzir! Vai treinando!


[só espero que ser maçarico ao volante não seja um problema genético...]

Fim-de-semana prolongado (2ª parte)

1º tentativa:
Vamos fazer um pique-nique.Stop. A chuva não deixou. Stop. Tivemos de improvisar. Stop. Mas com toalha a condizer.Stop


2ª tentativa:
Vamos fazer um pique-nique. Stop. Chão molhado por causa da chuva. Stop. Tivemos de improvisar. Stop. E nada a condizer. Stop.


E foi tão giro!

terça-feira, 27 de maio de 2008

Fim-de-semana prolongado

Tivemos o nosso primeiro fim-de-semana fora (a três) e fomos para o Alentejo, mais precisamente para aqui. Foi muito bom! Deu para descansar, passear, rir, conversar, improvisar, aparvalhar, namoriscar, brincar e curtir o Tiago ao máximo.



segunda-feira, 26 de maio de 2008

Já cá cantam

dois dentinhos que rebentaram sem incomodar ninguém! Espero que continue assim!

sábado, 17 de maio de 2008

O príncipe André

O André já nasceu. Estava ansiosa por vê-los e dar um beijinho à Bel. O André é lindo, pequeninho e bem parecido com o pai.

Um prémio

O Livro Virtual atribuiu-nos este prémio. Muito obrigada.

Mas como em tudo na vida, há regras:

1- Este prémio deve ser atribuído aos blogs que gostamos e visitamos regularmente, postando comentários;

2- Ao receber o selo "é um blog muito bom sim senhora!!" devemos escrever um post incluindo: o nome de quem nos deu o prémio com o respectivo link de acesso + a tag do prémio + a indicação de outros 7 blogs;

3- A tag do prémio deve ser exibida no blog;

Não consigo escolher 7 blogs. É impossível. Gosto de todos aqueles que leio (por isso é que os leio). Os premiados são todos os que estão aqui ao lado (blogs). Parabéns a todas!

quinta-feira, 15 de maio de 2008

No dia 14 de Maio

Costumo sempre dizer que o dia de anos é um dia como outro qualquer. Este ano, a coisa foi diferente.
Recebi dois livros de José Luís Peixoto dos meus colegas. Não estava a espera de nada porque, por lá, não se tem o hábito de oferecer prendas. Cheira-me que isso deve-se sobretudo ao Pedro e à minha Xamé!
A Ana M. fez-me um bolo de anos fantástico, uma obra de arte deliciosa que partilhei com os meus colegas do trabalho e com a família e amigos ao jantar. Cada vez gosto mais daquela mulher!
Recebi uma cesta com 30 rosas vermelhas. Foram entregues no local de trabalho e foi hilariante porque a funcionária entrou na sala de aula com as flores e eu agradeci-lhe, pensando que era oferta dela. Daaah! Li o cartão, e claro, só podiam ser do filhote e do marido! Fiquei até ao final da aula com um sorriso parvo...
Para o jantar, convidei os pais, sogros, avó, irmão e mais tarde, para o brinde, chegaram os meus amigos.
E claro, o Miguel e o Tiago. Sempre.





quarta-feira, 14 de maio de 2008

Nova década

Estou de Parabéns! Faço hoje 30 anos! Bela idade, sem dúvida! Venham mais, muito mais!

terça-feira, 13 de maio de 2008

É oficial: o rapaz rebola

Deixei o Tiago a brincar com o ginásio e fui passar a sopa dele. Demorei, no máximo, 5 minutos.

Quando o deixei, ele estava assim:


Quando fui novamente ter com ele, ele estava assim:



segunda-feira, 12 de maio de 2008

Mais uma história com o carro

Digam-me lá quais são as probabilidades disto acontecer?
De manhã, ao estacionar o carro, esqueço-me de tirar a marcha-atrás e de engatar a primeira (é engatar que se diz?). Resultado: bato na parede que estava atrás. Foi apenas uns traços no guarda-lamas. Não vi nenhuma mossa.
À tarde, rebenta um pneu. Saco logo do telemóvel e marco o número do Miguel. Do outro lado, oiço "blá blá blá não lhe é permitido fazer uma chamada... blá blá blá... diriga-se a uma caixa de multibanco e carregue...". Olho em meu redor e apercebo-me que estou no fim do mundo, no meio dos pinheiros, numa estrada manhosa e sem multibanco à vista e percebi as declarações do Mário Lino sobre a Margem Sul!
Ando, ando e lá encontro um multibanco. Ligo para o Miguel que não pode, dessa vez, sair do trabalho e salvar-me. Solução: ligar para o sogro e pedir ajuda. Ainda sugeri ao Miguel ligar para o ACP mas ele informou-me que não éramos sócios e pelos vistos, é preciso...
O sogro chega. Contorna o carro, passa a mão nos riscos do guarda-lama e pergunta "o que é que aconteceu aqui?" O homem tem olho e eu, armada em mentirosa, digo "Ah! Não me diga que alguém bateu no carro no estacionamento? Que chatice!"
A meio da coisa, diz-me ele: "independente, independente, mas sempre precisas de alguém para te mudar um pneu!". Pois preciso e tive de engolir porque há verdades que...grrrrrr...

domingo, 11 de maio de 2008

No relaxe

Parece estar a pensar "Chiça! Que não me deixam sossegar, nem no banho!"

sábado, 3 de maio de 2008

Sapinho

O Tiago está com sapinhos. Reparei, ontem, que estava com pontos brancos na língua mas pensei que fosse leite. Hoje, ainda os tinha e o pior é que o fungo passou para as minhas mamas que estão agora em muito mau estado. Tenho os mamilos inflamados, bem vermelhos, doridos e com gretas. Ai, ai! Esta noite foi um horror dar de mamar ao Tiago. Às 5, é hora da mama outra vez :(



sexta-feira, 2 de maio de 2008

Festa de meio ano

Fizeste 6 meses e o teu pai organizou-te uma festa com meio bolo. Tiveste direito a tudo: velas, os parabéns, as palmas, os beijinhos e uma mini rave: nós os três a bombar, durante 5 minutos!
O teu pai é mesmo um espectáculo! Só ele para improvisar festas assim!

Há meio ano atrás,



nascia o meu filho e juntamente com ele, veio um sentimento que nunca mais parou de crescer até então.


Ó Tiago, eu amo-te, filho.

Há meio ano,

por esta hora, estava eu a passar um mau bocado, a ver a minha vida a ficar para trás!