segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Prioridades do meu Tiago

- E tu pediste licença a quem para crescer assim tão rápido?
- Não sei. Sei que tenho de crescer para aprender a ler e a escrever. Sabes, há um comboio que vai do primeiro ano ao quarto ano e eu quero entrar na carruagem e apanhar o comboio! 
 
 
 

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Ainda sobre a ajuda

Acordávamos o  Pedro por volta das duas da manhã para o pôr a fazer xixi. Mas acordava sempre com xixi na cama. 
Há dois dias, creio que no sábado, pediu-me para dormir com fraldas. Recusei até porque não as tinha em casa. 
Hoje, quando o fui deixar na escola, foi um berreiro: que ia fazer outra vez xixi a dormir na escola, que iam dizer que era um bebé e que queria fralda. Foi arrancado do meu pescoço, aos berros, a dizer que queria a mamã e que ia fazer xixi (e claro que fez, como todos os dias no último mês). 

Hoje, já fui ao Lidl comprar fraldas.
Ouvi muitas opiniões mas ouvi-o sobretudo a ele que quer fralda porque ainda não se sente preparado. Quando chegar a primavera, ou antes se ele se sentir preparado, tentamos mais uma vez. Como diria o meu Tiago, "tudo ao seu tempo mamã"

À tarde, na escola, vamos ver como corre. Lá, não há fraldas e não é isso que me aborrece de momento. O que me chateia é o meu Pedro sentir-se incomodado com os outros. Esta é para mim uma grande surpresa. 

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Ajuda

O Pedro tem feito xixi todas as noites na cama. Tem feito também todos os dias xixi na escola a dormir. Tenho ali lençóis e resguardos e roupa para lavar. É um sem fim de máquinas para lavar e sobretudo para secar.
A minha dúvida: volto a pôr fralda ao rapaz à noite? Será um retrocesso? estarei apenas a adiar o problema? Sentir-se-á muito triste se voltar a usar coisas de bebé? Será benéfico por fralda à noite porque não acorda com aquele ar de "fiz xixi!" e será que com fralda à noite, já não vai sentir nenhuma pressão e deixa de fazer xixi à tarde?
Como é que foi convosco? 
(com o meu Tiago correu tudo tão bem que nunca tive de pensar sobre o assunto).

Há um marinheiro em cada um de nós

Quiseram fazer uma caravela. O Tiago quis fazer a bandeira dos descobridores e escrever Lusíadas.

domingo, 20 de outubro de 2013

A fota da gata

Já somos 5

Estão a ver o post anterior? Esqueçam! 

Ficámos com uma gata de 6 meses, vacinada, mas ainda não esterilizada.
Ficámos com uma gata assustada, que quer sempre colo.
Ficámos com uma gata que se chamava Bacci, que alterámos para Sissi e que agora é Fifi. 
Estamos todos rendidos e ela consegue a proeza de obrigar os meus filhos a estarem sentados 15-20 minutos no chão, em silêncio, com ela ao colo.


sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Vamos ser 5 - parte 2

Ainda não somos 5. Sê-lo-emos amanhã, se tudo correr bem!

Por partes: 
1 - quero um gato adulto, com dois anos aproximadamente porque para gatos bebés que fazem asneiras, já tenho os meus filhos;

2- quero um gato adulto porque já tem personalidade definida e prefiro um gato meigo que faça ronron ao meu colo do que um gato que foge de tudo e todos com medo porque para isso, já cá ando eu;

3 - quero um gato adulto porque já vem esterilizado e vacinado e confesso que não estou para gastar dinheiro com essas coisas porque para isso ia à Primark do Colombo comprar meia dúzias de trapos;

4- como quero um gato assim e não assado, fui contactando algumas associações. Na segunda, fomos a um gatil onde podíamos escolher 3 gatos. Azar do caraças, um já estava "apalavrado" para uma senhora e os dois outros só tinham um olho. Pois, está visto que uma criança de 5 anos e  um pai de 37 anos não querem um gato só com um olho porque para zaralho, disse um deles, já temos o Camões;

(4.1 - os dois gatos zaralhos conseguiram a proeza de enganar o meu mais novo, uma vez que ele repetiu três vez "mamã, o gato piscou-me o olho" mas cheio de medo e a pedir colo com tantos gatos à volta dele. )

5 - amanhã, uma voluntária vem cá a casa com três gatos e nós escolhemos aquele que mais gostamos, partindo do princípio que um deles goste de nós. 

6 - prometo não transformar este blog numa coisa fofinha e catita com fotos do gato porque para isto, já  basta o mural daquela colega de trabalho que ...meu deus...só partilha imagens de gatos a darem "fives" uns aos outros.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Ainda não plantei nenhuma árvore

...mas temos uma no jardim da Gulbenkian com os nossos nomes. Não sabemos muito bem onde está (a falta de orientação é genética:eu perco-me em qualquer sítio e sou incapaz de localizar-me e eles também) mas vamos à procura dela brevemente porque o pai também tem de escrever o seu nome.

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Vamos ser 5!!!

Vamos ter mais um novo elemento cá em casa.
Nunca pensei que fosse acontecer, mas aconteceu!

Eles estão super felizes. O pai entusiasmado. Confesso que passei por várias fases: euforia, alegria, incerteza, dúvida e quase negação sobre o assunto. Há momentos em que mal acredito nisso...Tipo, tu Tella, que dizias que nunca, que não querias e pumba sem saber como nem porquê, vais ter um gato em casa. Vamos buscá-lo no domingo.

Sim, podia ser pior e eu estar grávida! :p

Vista de estudo

Hoje, primeira saída do Pedro com a escola. A política da escola é ótima: todas as segundas-feiras, a partir de hoje, é dia de passeio. Vai haver espaço para tudo: parques, museus, exposições e teatros. Mas para ele o mais importante foi...

- De que mais gostaste Pedro?
- De andar no autocarro, sentado ao lado do Afonso!


Descobertas

Descobriu a biblioteca da escola e todos os dias, no intervalo do almoço, lá vai ele escolher um livro para lermos à noite em casa. 
Que ideia fixe!

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Perguntas

Não tendes medo do tempo que passa a uma velocidade louca?
E de estarmos sempre a correr, tentando acompanhá-lo? 
E de pensar que ainda ontem os putos nasceram e agora estão cada vez mais crescidos e quase nem damos por nada, por causa  daquela cena do acordar -rápido rápido que temos de ir para a escola, rápido, vá, rápido para não chegar atrasados / do trabalho (que por ser trabalho, é o que é),  do chegar à casa - rápido, rápido que tenho de fazer sopa e dar banhos e brincar e rápido, rápido que é hora de deitar, rápido que amanhã acordam cedo.

Eu tenho. Muito.


Da escrita II


Relegado para segundo plano no que diz respeito à escrita, o Pedro fartou-se e quis escrever o nome dele. As letras estão por ordem porque quase que o obriguei a escrever por ordem. :) 

Da escrita

O melhor e o pior do dia 3, pelo Tiago.
(caderno de escrita livre)