segunda-feira, 31 de maio de 2010

Passa cá em casa quase diariamente


Se agora temos a fase do Sinbad, já tivemos outras.
O primeiro filme que viu do princípio ao fim foi Tarzan, em Novembro 2009.
Em Dezembro, a minha mãe ofereceu-lhe O Livro da Selva e foi rodado cá em casa até sei lá quando... Ele adora a história e sobretudo as músicas.
Depois veio o Brother's Bear I e II (Kenai e Koda). Até eu gosto deste, é o máximo!
Fartou-se e virou-se para o Dumbo mas ficava muito transtornado com a mãe presa e deixámos de ver.
Tentámos A Dama e o Vagabundo, mas não gosta e 20 minutos depois, diz-nos "esse não". Experimentámos o Rei Leão, mas ele não gosta assim muito e passa o filme todo a perguntar pelo Simba. Não percebe que é o mesmo leão, um bebé e o outro já crescido. Para além disso, o mau da fita é demasiado maléfico. Assusta-se com ele. Também rodou pouco cá em casa e eu não gosto muito desse filme.

Como já estamos farto de Sinbad, já estamos a fazer o dowload de Peter-Pan e Robin dos Bosques.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Tiaguices

Há pouco, quando me preparava para lhe ler os livros que ele escolheu, aponta para a capa do Ruca faz anos e diz " a menina é a Soraia".
A Soraia é uma colega da sala dele que tem a mesma cor de pele que a menina da capa!

Gostei da associação e tinha de a deixar registada.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

O ó-ó

Dormir cá em casa sempre foi um tema difícil de gerir.

O Pedro parece que segue o caminho do mano.
Adormece ao colo e aí fica durante uma boa meia-hora. À noite, se o colocarmos na cama antes disso, acorda. Durante o dia, independentemente do tempo que está ao colo, acorda sempre quando o deito na cama. Se o ponho na espreguiçadeira, fica a dormir.

Faz sestas de uma hora e meia quando estamos os dois em casa, sozinhos e em silêncio absoluto. Acorda com qualquer barulho. Quando há mais pessoas (pai e mano), dorme no máximo 45 minutos. Fora de casa, dificilmente o consigo adormecer e faz birras de sono.

Começa a dar noites boas. Dorme comigo e acho que se serve da maminha quando lhe apetece. Temos também bar aberto para o sr.Pedro! Acho porque já acordei com ele agarrado à mama. Amamento-o deitada e adormecemos os dois assim, unidos pela mama.

O Tiago ainda não dorme a noite toda. Acorda a chamar por mim e a dizer "deita mamã" e a pedir "leitinha". Já tentámos não lhe dar, mas ele dá em gritar tanto que rapidamente desistimos (horas impróprias para gritos, birras, sermões, explicações, etc.). Todas as noites, sem nenhuma excepção, entre as 3h00 e as 4h00, muda-se para a nossa cama. Dormimos os 4 juntinhos, sendo que eu estou agarrada ao Pedro e o Miguel agarrado ao Tiago. Para nós, é a maneira de dormir menos mal.

Depois de ter lido o Bésame Mucho de Carlos González que defende a partilha da cama com os filhos e que apresenta várias justificações que, no meu entender, fazem sentido, sinto-me mais aliviada. Como se a teoria de alguém acreditado desse mais consistência ao nosso método e ao meu instinto que acha que devo dormir com as minhas crias para que haja uma boa harmonia familiar. E verdade seja dita, adoro dormir com eles. Sabe bem porque estamos sempre abraçados.

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Quê flô?

Há muito tempo que o pai ensinou o filho a dar flores à mamã. Sempre que vê uma flor, dá-ma.
Nas férias no Algarve, estávamos nós a passear e ouvi-o a gritar "mamã, ó mamã! mamã!" com uma certa impaciência. Dignei-me a olhar para ele e lá tinha ele esta bela flor. "Toma mamã." disse ele todo sorridente.

São lindas, não são?!

Representações e afins II

Neste desenho, O Senhor como lhe chama o Tiago, fiz apenas o círculo e pedi-lhe para desenhar a boca, o nariz, etc. O desenho está escrito para memória futura. Foi desenhado no dia 23 de Abril 2010.
Algum tempo depois, ele representa o senhor com plasticina. Fiz o nariz, a boca, etc e pedi-lhe para os pôr na cara do senhor. Colocou a boca no lugar do nariz. Não quis pôr orelhas mas quis braços a sair da cabeça!

terça-feira, 25 de maio de 2010

Crescer com amor

Ontem à noite, quando o pai o foi deitar.

Pai: o papá ama-te muito.
Tiago: a mamã também.

É bom saber que os nossos filhos sabem que são amados.

sábado, 22 de maio de 2010

Raios!

Falta um mês para regressar ao trabalho!

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!

Consulta dos 2 anos e meio

O rapaz está bem. Continua com rinite alérgica. Vai fazer um tratamento durante 90 dias ao fim dos quais terá de fazer exames.
Está com 14 kg e 92 cm.

A pediatra não resistiu (e nós também não) a pesar o Pedro e parece estar no bom caminho. Temos de continuar com o plano "mama&papa."

[E os meus gajitos portaram-se tão bem! Um orgulho!]

sexta-feira, 21 de maio de 2010

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Resolução

Arranjar uma mulher-a-dias muito em breve. Não sei bem como é que vou encontrar esse alguém mas hei-de conseguir. O caos, aos poucos, invade a nossa casa e traz o seu amigo "pó". Esta casa está de pernas para o ar...
Estou agora em casa e até podia dar um jeito mas não me apetece e mesmo que me apetecesse, não consigo. O Pedro dorme todas as tardes ao meu colo (está aqui bem aninhado), pois parece que a cama dele tem picos e mal o deito, toca de chorar!

Se por acaso conhecerem alguém de confiança (margem Sul), agradeço.

Futilidades

Não sei o que é pior para o meu ego: comprar um fato-de-banho ou estar na praia de biquíni com a barriga a gelatinar!

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Je me repète...

Amamentar sempre foi um prazer, um elo que me uniu ao Tiago e que me une ao Pedro. Nunca foi um fardo, nunca foi doloroso, nunca fiz ferida, etc.

Depois de pensar muito, cheguei à conclusão que o que realmente me impede de dar um biberão de leite adaptado ao Pedro é:
- a ideia de que se dei mama ao Tiago durante 1 ano, tenho também de amamentar o Pedro durante o mesmo período de tempo;
- não ter 100 % a certeza do que o rapaz vai engordar com LA.

L'aventure continue...

Há minutos


A gritar "mamã coco, coco!" e a correr na direcção do quarto, sempre a gritar "coco, cococ, coco", para escolher um livro. Sento-o na sanita e, como sempre, diz-me "sai mamã e fecha a porta!".
Posted by Picasa

terça-feira, 18 de maio de 2010

No meio disto tudo, há uma boa nova

O Pedro vai ficar com os avós.
Em Setembro, vai ficar com a minha mãe que está de férias enquanto os meus sogros vão viajar pelos E.U.A. Regressam em meados de Outubro. Durante estes 15 dias, o Pedro vai ficar com o meu pai (se não tiver mais nenhum ataque cardíaco) e com a minha avó...Ai! Ai! O que vale é que também vai lá estar o meu mano, de vez em quando.

Consulta dos 4 meses

- 5,170 kg (aumentou 200 gr. num mês...). Não tem percentil. Para estar dentro da curva e ter o mínimo, ou seja, percentil 5, teria de ter 5,400 kg.

- 61 cm (percentil 25)

Vamos aumentar o número de refeições de papas para duas e vamos optar por papas lácteas. Vamos continuar com leite materno mas por mim, dava-lhe leite adaptado. A pediatra acha que é melhor o LM. No meio disso tudo, noto que tenho muito menos leite, já nem o sinto a subir e as mamas estão normalmente moles.
Com muita pena minha, quase com uma dor no peito, acho a minha aventura na amamentação não vai durar muito mais tempo.
Dentro de 15 dias, volto lá para o pesar. Se não aumentar convenientemente, vai ter de ser internado para ser todo, mas todo visto.

Coração tão apertadinho...

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Voltámos...


...todos muito contrariados!

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Eu

32 anos e um aparelho na boca (já só à noite) como não tinha aos 15 anos. 32 anos e muitos cabelos brancos, como pensei ter só aos 40. 32 anos e um marido melhor que os príncipes encantados idealizados aos 12. 32 anos e um emprego que não sabia se queria aos 19. 32 anos e dois filhos lindos que nunca pensei ter aos 24.
32 anos feitos hoje.

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Daqui

A febre foi-se ao fim de 3 dias.
O vento veio.
O sol mantém-se.
As idas à praia estão em stand-by.
Os passeios estão em grande.
Logo pela manhã, temos tido sempre birra.
O resto do dia, temos boa disposição.
E a minha mãe faz 53 anos.

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Das férias

que ainda vão a meio, posso já assegurar que o Tiago anda feliz da vida.
Quer p'aia, fazer castelos na areia e parti-los, apanhar paus e pedras, estar a beber xumo na esplanada, não ter horários, nem rotinas... Anda a delirar! Já disse que para casa, não.Auga've!
Eu estou feliz de vê-lo assim.

O Pedro anda menos feliz, pois há 2 dias que tem febre.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Almoço: a primeira papa

Já me tinha esquecido que a primeira vez custa um pouco. Ele estranhou a colher (que nem era de silicone, pois esqueci-me dela em casa), a textura, o sabor, o comer...Tudo normal, portanto!
Acho que ficaram demasiadas líquidas. Amanhã, engrosso-as mais.
Tirei 100ml de leite e comeu 80 ml. Vamos ver se o rapaz engorda agora!

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Para mais tarde recordar

- Tiago, anda tomar banho.
- Não.
- Anda tomar banho já!
- Já disse que não.

- Mamã, queres kéké (café)? O Tiago faz.

-Tiago, o mano está a chorar, distrai-o um pouco.
- Ped'o, cala-te!

Depois de qualquer saída,diz sempre:
- Para casa não!

- Ó Tiago, faz lá o café.
- Não há kéké.
- Ó filho, as cápsulas estão aqui, na caixa.
- Não xabia!

Faz essa questão vezes sem conta:
- Mamã, o qué ixo?

- Não conseguo!
- Não, é "não consigo".
- xim, não consegueo!

- É minha lego.
Corrijo-o.
- É meu lego.
- Não, é minha! Mamã, não!

- Ó Tiago, o que fizeste na escola?
- Antunes pumba no Paixão!

- Tiago, estavas a brincar com o S. quando a mamã chegou.
- Xim. A faxer kéké com axúcar!

terça-feira, 4 de maio de 2010

Pequeno comentário sobre as férias

Onde é que tinha a cabeça quando resolvi ir à praia de biquíni três meses depois de ter parido?