segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Como entreter as crianças enquanto se prepara o jantar

Ontem,apanhámos folhas e hoje,eles fizeram uma árvore.

domingo, 23 de setembro de 2012

Dia de cinema - estreia


Fomos os 4, pela primeira vez, ao cinema ver o Brave
Eles adoraram. 
Tive receio que o meu Pedro não aguentasse o tempo todo na sala. Esteve sempre ao meu colo, atento, a delirar com o filme. Ele surpreendeu-me bastante! 

[26 euros por 4 bilhetes é um roubo! O cinema é fixe e tal mas vamos continuar a sacar filmes...sempre é mais económico.]

terça-feira, 18 de setembro de 2012

como se relativizam as coisas quando se é mãe?

Alguém sabe?

Estou por um fio

Deixar o Tiago hoje foi doloroso.
Ele entrou, como sempre, a dizer que não queria ir para a escola, a dizer que ninguém brincava com ele.
Começou a ficar com olhos cheios de lágrimas quando o deixei lá. À saída, oiço alguém aos berros e a fugir, a subira a rampa. Era ele. Agarrou-se a mim a dizer que está triste, para ficar com ele, que ninguém gostava dele, etc.
Ainda me sentei num banco, a explicar-lhe, uma educadora a falar também com ele mas ele nem nos ouvia. Nem conseguia aguentar as minhas lágrimas.

Basta alguém me perguntar, no trabalho, que cara é essa e desato logo a chorar.
Dia longo hoje...

domingo, 16 de setembro de 2012

Quantos queres?

Um sucesso que gerou muitas gargalhadas!

15 de setembro


Fomos, claro.h

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Post do blog que parece um post do FB

Percebes que não andas bem da cabeça quando:
- passas na via verde, paras o carro, abres a janela e agarras no cartão do estacionamento...até que alguém te buzina atrás;
- paras num sinal verde,à espera que o sinal fique vermelho para avançar.

[e há mais mas tenho um certo orgulho]

Ao 5º dia, a coisa piorou!

Eu sei que é tudo uma questão de tempo e que dentro de algumas semanas, as coisas vão ficar mais normais...É que eu não sei se consigo aguentar deixar o mais velho na escola, aos gritos, a dizer para não me ir embora porque ninguém brincava com ele, que não queria ficar sozinho, agarrado a mim, fora de si. Estava tão alterado, nervoso, que se escapou do abraço "forçado" da educadora e veio a correr ter comigo, a pedir beijinho e abraço forte. 

E o meu mais novo que acorda a dizer que não quer ir para a escola e que mal passa a ponte, desata a chorar que não quer ir, que quer a mamã e o mano!

E depois começa um dia de trabalho, entre reuniões em que nem oiço metade, papeis, papeis e mais papeis e merdas e mais merdas.


O mundo pelo Tiago

A espuma da banheiro fez-lhe lembrar a barba do pai natal. Então disse que ia pedir uma nave espacial ao dito cujo para ir à lua buscar uma estrela para trazer para casa! 

Tal e qual

Um texto muito bom.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

E ao 4º dia,

deixei os dois a chorar na escola.

(e eu continuo de coração super apertado)

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Do dia 1

Pedro fez xixi nas cuecas (coisa que não acontecia há meses) e acharam por bem colocar-lhe uma fralda para dormir. Esteve muito choroso e sempre agarrado a sua Inês. Quando lhe perguntei o que tinha gostado menos neste dia, respondeu "não sei". Quando quis saber do que tinha gostado mais, disse-me "a escola"! Não se percebe (ou ele não percebeu, não sei!).

O Tiago disse que preferia a outra escola porque era mais pequena (passa de uma creche de 50 alunos para uma de 300) e porque tinha lá os amigos dele. Salientou que não conhecia os meninos e que não brincou com ninguém  Quando lhe disse que ele devia ir ter com os outros, respondeu-me que foi mas houve um menino que lhe disse "sai daqui!". Esteve sempre sozinho (a educadora confirmou-me isso). 
No final do dia, quando lhe perguntei do que mais tinha gostado  respondeu-me: "a nossa brincadeira na cama" e "não brincar com ninguém na escola" foi o que ele menos gostou.

Sei que isso é normal numa escola onde ele não conhece ninguém, mas como mãe galinha e piegas que sou, fico com o coração apertado, com um nó na garganta e com vontade de o abraçar e chorar. 
Amanhã, há de ser melhor!

Mais uma sobre o day 1

Enquanto esperava pela mãe...

Dia 1

O pai foi deixar o mais novo, já que ele chora sempre comigo. Ficou bem, sem choramingar nem nada.
Fomos depois deixar o mais velho que estava um pouco ansioso: queria ir brincar para o recreio mas não conhecia ninguém e também queria falar connosco. Dei-lhe um beijo, disse-lhe novamente "vais divertir-te e aprender muitas coisas giras". Ele agarrou na minha mão com força, olhou para mim, sorriu e largou-a. E foi.

Eu só verti umas lágrimas na saída... Sou uma piegas pá!

Começar bem é...

...ter o mais a acordar e dizer a choramingar "Não quero ir para a escola. Quero ir para [nome da antifa escola]"

Deixem-me falar que estou a precisar

Várias estreias este fim de semana: uma ida ao teatro no Chiado (Teatro rápido) que deixou os dois muito contentes e de boca aberta e um pic-nic improvisado, à noite,num jardim, no meio de muitas árvores (mata mesmo), que se lembrou de desligar as luzes às 21h,deixando-nos completamente às escuras...
Ah! Quando estou ansiosa e com coração pequeno,começo a falar de coisas com pouco interesse. Penso que assim consigo esquecer que amanhã é o 1°dia deles na escola nova... Li num blog isto e tentei fazer igual.
Saiu-me bem com ambos. Pelo menos isso.

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Primeiras impressões-post com pouco interesse

Tive reuniões com as novas educadoras dos meus filhos e gostei bastante delas.
Estamos em contagem decrescente para começar...

Algum recado do além?

Hoje,na praia, o Tiago encontrou uma pedra,uma simples pedra. Para ele, foi algo diferente.
"Mamã,olha um coração de pedra. Gosto tanto de corações de pedra!"

Ups!

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Agora

Vamos agora conhecer as educadoras dos meus filhos. Não sei quem está mais ansioso:eles ou eu.

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Eh pá, é tão giro brincar com os nossos filhos mas há um limite!

E aquele momento em que estamos deitados na cama, a brincar ao "Astérix" (basicamente é a lutar* - brincadeira saudável e recomendada - onde eles são os gauleses e nós os romanos), e o mais novo sai do quarto, seguido do mais velho e no minuto seguinte, cada um aparece com um rolo de massa na mão, prontos para atacar!

(*mas é lutar com classe, uma vez que o Tiago inicia cada assalto  com um "Pan'oamix, dá-me a poção mágica!)



segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Uma semana em casa e...

Praia a três. Costa. Mergulhos.Dinis. Abraços.Cabanas.Bolos. Birras. Brincadeiras.

Acabaram-se as férias.Volta a rotina e uma nova vida para os meus filhos que vão para uma escola nova... E apesar de saber que vão para um sítio muito bom,fico com um aperto no peito...

sábado, 1 de setembro de 2012

Pesos

O Pedro começou a comer a sério. Deu-se o click e durante o mês de agosto, comeu sempre tudo. Vomitou uma ou duas vezes num mês. Fantástico.
Num mês,engordou 500 gramas e está algures entre o percentil 3 e 5 (!), com 11,300 kg. Nos eixos portanto!
O irmão que come tudo (menos chocolate e doces) está no percentil 85!